O fretamento eventual, de caráter turístico, vem passando por profundas transformações no decorrer da década de 90 com o acesso mais facilitado a viagens aéreas. Desta maneira, inúmeras pesquisas indicaram que a opção pelo transporte rodoviário cresce para curtas distâncias. Esse dado é relevante e tem balizado ações da Fresp para enfrentar concorrências predatórias de empresas que não estão na categoria fretamento de passageiros, mas que na prática atuam no segmento. Além disso, os encontros da Fresp também têm norteado a ação do empresário frente ao potencial cliente e a formas de fidelização e manutenção das buscas por viagens nesta modalidade de transporte.